Atendimento: reservas@bahiaterra.com

+55 (75) 3653-6017 | +55 (75) 3653-6124

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest

Atendimento: reservas@bahiaterra.com | +55 (75) 3653-6017 | +55 (75) 3653-6124

Como já se sabe, Morro de São Paulo se destaca pela infinidade de alternativas que oferece ao seu turista. Se você quiser um local mais familiar ou reservado, há lugares para isso.


Mas se você procura festas ou praias movimentadas, também há espaços próprios para este público.


Outras duas opções, que estão crescendo, não somente em Morro de São Paulo, mas em vários outros locais do Brasil, são as práticas de caiaque e a mais recente e badalada modalidade, o stand up paddle.


Saiba, neste artigo, como praticar estes esportes e o que ambas as experiências lhe reservam!

Em Morro de São Paulo é possível realizar tanto o passeio de caiaque quanto de stand up paddle em diversos pontos, porém há um que merece destaque.


O passeio sai da Terceira Praia e leva os visitantes até a Ilha do Caitá, que fica em frente. Antes de começar a travessia, você pode observá-la. Analisando a paisagem, a Ilha irá parecer um conjunto de pequenas pedras no horizonte.


Caiaque


Obviamente, se você nunca realizou stand up paddle antes e quer fazer a travessia de forma rápida, o mais recomendado é optar pelo caiaque. Nesse caso, é possível alugar tanto o caiaque de dois quanto de um lugar apenas, na Terceira Praia.

Também há passeios organizados de caiaque com duração aproximada de 1 hora e meia em que você pode ir até a Ilha do Caitá acompanhado de um guia.


Stand Up Paddle


Se você optar pelo stand up paddle, saiba que apesar de ser uma travessia geralmente tranquila, você vai levar um tempo razoável para chegar até a Ilha do Caitá, pois de caiaque saindo da Terceira Praia de Morro, leva-se por volta de 20 minutos.


Claro, o tempo varia conforme cada pessoa, seu preparo físico para remar e a experiência que possui tanto no caiaque quanto no stand up paddle.

A experiência de stand up paddle e caiaque em Morro de São Paulo


Durante a travessia tanto de stand up quanto de caiaque, é possível ver todo o fundo do mar, os vários tipos de animais e os recifes.


E falando em riqueza marinha, além de encontrar cardumes de diversas espécies de peixes, há também arraias, estrelas do mar, eventualmente tartarugas e por último, mas não menos importante: ouriços.


Quanto ao último animal citado, é válido fazer uma observação: por eles serem espinhosos e às vezes, também venenosos, é indispensável o uso de chinelos ou sapatos de borracha.


Além dos cuidados em relação ao ouriço-do-mar, por ser uma ilha repleta de corais e recifes, a superfície ao redor da parte arenosa é irregular. E devido às eventuais ondas que quebram nas extremidades, o “terreno” pode se tornar escorregadio, o que demanda certa atenção ao caminhar.


Dicas para curtir melhor a experiência

  • Lembre-se de sempre levar consigo, uma pequena mochila com protetor solar e garrafa de água. Também não se esqueça de usar óculos escuros e boné.

  • Mesmo com estes cuidados, se você tiver grandes chances de se sentir mal por causa do calor, é aconselhável realizar o passeio no fim do dia. De quebra, você poderá usufruir do belíssimo pôr do sol que a ilha tem a oferecer.

  • Para evitar acidentes ao tirar fotos, leve o seu celular sempre em uma “capinha para mergulho. Você as encontra facilmente com vendedores ambulantes ou em lojas espalhadas por Morro de São Paulo.

Quer ficar por dentro de tudo que ocorre em Morro de São Paulo? Então assine a nossa newsletter e receba dicas incríveis para tornar a sua viagem inesquecível!